Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2015

O que é a Gestalt-terapia?

Muitos dos textos escritos aqui no blog utilizam terminologias que podem, inicialmente, parecer estranhas ao senso comum, mas que têm uma razão para serem utilizadas e que vieram de uma abordagem psicológica chamada Gestalt-terapia. Ainda que a intenção do blog seja elucidar temas da psicologia de forma geral, sem estarem necessariamente ligados a uma abordagem específica,como os autores do blog são adeptos desta abordagem, algumas vezes é impossível não utilizar essas terminologias, uma vez que a nossa visão de mundo já perpassa pelos postulados da Gestalt-terapia. Além disso, a Gestalt-terapia não é apenas uma abordagem psicológica, mas também uma filosofia de vida, uma vez que defende formas autênticas de se estar em relação, sem joguinhos e manipulações. Por este motivo, achei importante escrever hoje sobre o que é a Gestalt-terapia e suas principais diferenças em relação às abordagens mais difundidas.
Inicialmente, faz-se necessário explicar o termo.  A palavra Gestalt vem do alem…

Falar sobre passado, presente ou futuro na psicoterapia?

Para todas as pessoas que me procuram para atendimento psicoterapêutico, converso logo na primeira sessão sobre o que se trata a psicoterapia e o que ofereço com o meu trabalho. Nessa primeira conversa ressalto que o cliente escolhe sobre o que quer falar, que pode tratar sobre qualquer assunto ou tema que assim desejar. Eu estou lá para receber a escolha do cliente e deste ponto partir. É assim para cada nova sessão psicoterapêutica. Portanto, a escolha de falar sobre passado, presente ou futuro cabe ao cliente, mas qualquer uma dessas três escolhas culminará para o aqui-e-agora.
A importância do aqui-e-agora
Como psicólogo em qualquer prática que assumo, seja na psicoterapia ou não, me oriento pelo aqui-e-agora. O aqui-e-agora é um conceito utilizado na abordagem Gestalt-terapia (PERLS, 1977), o qual considera o que acontece no momento presente vivido! Mas nem por isso desconsidera o passado e as possibilidades futuras. O passado já se foi, portanto não existe mais, no entanto, ele cu…